RENOVAÇÃO DA CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2017/2018 - GUARULHOS.

 O Sindicato das Indústrias de Panificação e Confeitaria de São Paulo ajustou com o Sindicato dos Trabalhadores de Alimentação nas Indústrias de Alimentação de Guarulhos e Federação dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação do Estado de São Paulo e Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação de Jundiaí Convenção Coletiva de Trabalho, nos seguintes termos resumidos abaixo:

1º) Reposição de 4,0% como reajuste salarial, a ser aplicado sobre os salários de 01/05/2016, compensando-se eventuais antecipações praticadas no período;

 2º) Congelamento do valor do PLR em todas as faixas (, com a manutenção dos valores praticados na Convenção anterior;

3º) Reajuste da cesta básica, nos valores de R$ 47,00 (quarenta e sete reais), para empresas com até 45 empregados e R$ 66,00 (sessenta e seis reais), para empresas a partir de 46 empregados;

4º) Congelamento do valor do abono do dia do Profissional de Panificação (dia do Padeiro), com a manutenção do valor praticado na Convenção anterior;

5º) Exclusão da cláusula trigésima nona (39ª), que disciplinava as condições para constituição da CIPA, reportando-se a legislação aplicável a matéria á partir de então;

6º) Piso salarial diferenciado para trabalhadores que sejam admitidos no período experimental de até 3 meses de contrato (aplica-se o piso praticado pela Convenção Coletiva de Trabalho 2016/2017 em todas as suas faixas), passando a ser reajustado pelo piso de empregado efetivo á partir do cumprimento de até 3 meses de contrato;

7º)  As partes ainda convencionam, que na ocorrência de alteração na legislação trabalhista, através das reformas propostas pelo governo federal, será agendada reuniões para plena adequação do instrumento coletivo de trabalho de conformidade com a atualização legal.

O valor do reajuste do salário deverá ser efetivado na folha de pagamento de junho, com o pagamento da diferença salarial de maio/2017.

Qualquer dúvida pode ser esclarecida pelo departamento jurídico trabalhista do Sindicato das Industrias de Panificação e Confeitaria de São Paulo, que se coloca a disposição do Panificador em seu horário de atendimento.

 

Antero José Pereira

Presidente do Sindicato das Indústrias de Panificação e Confeitaria de São Paulo