PALESTRA GESTÃO DE PESSOAS

GESTÃO DE PESSOAS ENCERRA O CICLO DE PALESTRAS 2017

 

O SAMAPÃO encerrou no último dia 29 de novembro o ciclo de palestras 2017. O último tema abordado foi "Desafio da Gestão de Pessoas". Promovido em parceria com o Departamento da Micro, Pequena e Média Indústria (Dempi), da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), o evento retorna a partir de fevereiro de 2018.

A palestrante Ana Maria de Freitas, com apoio da Roseli Martinez, ambas do IPO Instituto de Psicologia Organizacional, falou sobre a necessidade de conhecer o cenário em que vivemos, para então poder lidar com a gestão de pessoas. "É o cenário que faz o pano de fundo na gestão de pessoas."

Segundo ela hoje as pessoas se manifestam e não têm medo perder o emprego. "Questionar a ordem do patrão não é desrespeito. E isso acontece na empresa, em casa, com os netos, com todos." Ana Maria explica que muita coisa está mudando e é preciso rever o papel das lideranças.

Logo, é importante que o gestor tenha um autoconhecimento, explica, uma vez que esse é o primeiro passo para uma bem sucedida gestão de pessoas. "A capacidade de reconhecer e compreender seu estado interno e emoções, bem como, seus efeitos sobre as outras pessoas. É preciso conhecer suas forças e seus limites e ter certeza de seu próprio valor."

O autoconhecimento garante que o profissional encontre parceiros que o complementem dentro da equipe. Saber lidar com o outro exige ainda avaliar alguns aspectos como: o que fazemos que funciona bem? o que podemos melhorar e o que precisamos mudar. "É bom aproveitar o final do ano para conversar com a equipe e rever como as coisas estão andando. É um desafio do gestor influenciar e mobilizar pessoas", diz.

Ana Maria alerta que é importante chegar aos bons resultados sem muito sofrimento. Num cenário empresarial dinâmico e competitivo os líderes estão entre os principais recursos de uma organização para preservar os valores, a filosofia, o ritmo, os padrões e, consequentemente a qualidade dos processos e produtos.

Fortalecer a liderança pode garantir o processo, alerta a consultora. "Você não pode ter uma única pessoa para aquele trabalho. É preciso manter a qualidade do produto e do serviço. O impacto tem que ser o menor possível diante da rotatividade."

Erra quem acredita que liderança não pode ser adquirida. Ana Maria diz que a liderança é uma habilidade que pode e precisa ser desenvolvida. "A liderança não é um dom. O líder delega, não tem medo de perder o poder, confia, orienta, diz vamos. O papel fundamental do líder é orientar, dar conselho, ajudar a desenvolver."

Ao final da palestra o presidente Antero José Pereira agradeceu a parceria do Dempi, ressaltando que em todas as palestras sempre se aprende alguma coisa. Ele presenteou a palestrante com o livro comemorativo dos 100 anos da entidade e lembrou que as palestras retornam em 2018.